vestindo a logomania

Parece que a moda vestiu, literalmente, a camisa dos anos 2000!

Tudo começou com Karl Lagerfeld, lá no final dos anos 1990, quando ele resolveu trocar o fecho da famosa bolsa da Chanel (que antes era um fecho “normal”) pelos dois “C” justapostos.

Depois disso, foi aquela farra: Fendi, Gucci, YSLLouis Vuitton (o case mais famoso de todas) usaram e abusaram das logos em todos os produtos – quase como um carimbo de estilo mesmo, sabe como?

A gente adora a idéia de que, mais do que consumir produtos a gente “consome” lifestyle quando deseja uma determinada peça de uma determinada marca. Tipo assim: a gente quer mais do que se vestir, a gente quer demonstrar nossa personalidade em todo o look.

Pra isso, tanto a estética e, em alguns casos, a “origem/marca” da peça contam pontos.

Daí que a gente adorou ver as CAMISETAS (peça mais que amada aqui na hello) em quase todas as últimas passarelas da semana de moda, detalhe: todas com o nome da marca estampados, como uma logo mesmo, versão street ultracool.

Vê só:

camiseta_semanamoda

Desfile da Chanel, em Cuba, resort 2017

screen-shot-2016-10-10-at-5-32-51-pm

Lookbook da Givenchy, verão 2017

screen-shot-2016-10-10-at-5-33-11-pm

verão 2017 da Gucci, desfilado em Milão

camiseta-desfile

See by Chloé, também verão 2017

screen-shot-2016-10-10-at-5-33-22-pm

lúdico e cool da Moschino, verão 2017

Se essa moda pega… <3

Share this article

About Coletivo Lirico

Somos um coletivo de arte, moda, cinema, selfies, looks do dia, textão de amor, testículos de legenda, sinais de fumaça, código morse e qualquer outro meio de expressão que nós faça bater o coração! Afinal, a única coisa que a gente pode deixar pro mundo é a nossa percepção dele ;) @coletivolirico

You May Also Like

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *