e a T-shirt que veio da literatura?! Isso mesmo, Scott Fitzgerald foi o responsável por divulgar o termo, olha só:

camiseta_coletivolirico_eagorajose

um pouco de história da camiseta pra gente aumentar nosso repertório cultural

Espécie de blusa feita de malha de algoão, a camiseta foi usada desde a Primeira Guerra Mundial, embaixo dos uniformes e depois pelos operários, sendo adotada mundialmente como peça básica esportiva. Lisa ou básica, apresenta-se com desenhos e slogans que expressam o modo de pensamento de quem a usa

Trecho retirado do livro Moda Ilustrada de A a Z – de Regina Maria Catellani

Em 1904, uma empresa chamada Cooper Underwear Company começou a mudar o destino dessa tão famosa peça.

Eles lançaram uma roupa destinada a homens jovens e solteiros, que eram chamadas de “camisas de solteiros”.

Esse produto inovador surgiu com o slogan: “Sem pinos de segurança – sem botões – sem agulha – sem linhas.” Isso queria dizer que a nova camiseta consistia em uma única peça de tecido que não tinha botões, o que significava mais durabilidade, além de eliminar a necessidade de manutenção.

Por isso era perfeita para homens solteiros, já que normalmente quem fazia os trabalhos de costura e manutenção de roupas na época eram as mulheres.

Pouco tempo depois disso, a Marinha dos EUA incorporou oficialmente a camiseta branca sem botões em seu uniforme, já que eles empregavam muitos jovens sem nenhuma habilidade em costura. Mas elas ainda não eram usadas como nós usamos hoje em dia.

Existiam algumas regras, de acordo com o Regulamento de Uniformes da Marinha dos Estados Unidos. No início, a camiseta de algodão era uma peça que devia ser usada por baixo do uniforme do marinheiro.

A famosa T-shirt

origem da camiseta futebol americano

Foi após o fim da Primeira Guerra Mundial que essa peça de roupa começou a finalmente ser popularmente conhecida como T-shirt (camiseta, em inglês). A primeira pessoa famosa a utilizar esse nome foi o autor F.Scott Fitzgerald, em sua novela “Este Lado do Paraíso”.

A T-shirt era muito usada pelo personagem principal, Amory Blaine, durante a universidade. Isso foi um fato que influenciou muito a sociedade da época e causou até mesmo uma mudança no design das camisetas.

Elas passaram a ter a gola careca e primeiramente foram destinadas aos esportistas. A ideia era criar-se um vestuário leve e com boa absorção da transpiração, algo que os jogadores universitários de futebol pudessem usar debaixo de suas camisas para evitar o atrito das almofadas do uniforme com a pele.

A partir daí, a camiseta foi um enorme sucesso entre os jogadores e não demorou muito para que se tornasse popular também entre os outros alunos.

A popularização da camiseta

historia da camiseta marlon brando

Durante a Segunda Guerra Mundial, a camiseta foi se tornando cada vez mais comum entre os jovens, tanto os universitários como os soldados, que ainda as usavam por baixo do uniforme oficial.

Depois do fim da guerra, os soldados que voltaram para casa começaram a incorporar as camisetas em seus guarda-roupas.

Então finalmente, a sociedade passou a aceitar definitivamente a peça como um vestuário casual, deixando assim de ser vista apenas como uma roupa íntima.

A partir daí, as camisetas foram se popularizando e evoluindo cada vez mais rapidamente. Depois que Marlon Brando vestiu uma camiseta super justa no filme Uma Rua Chamada Pecado, de 1951, ela se popularizou definitivamente entre os homens. O filme inclusive resultou em um grande aumento das vendas da peça.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta