tá em sp? tem curso gratuito sobre a moda (e a alma) do Yves Saint Laurent

No próximo dia 14 de julho, sábado, das 15h30 às 17h, o professor Brunno Maia ministra a palestra ”O último romântico: YSL, a criação, a melancolia e o amor”, na Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de poesia e literatura, na Avenida Paulista, em São Paulo.

Com apenas 40 (quarenta) vagas, a atividade gratuita integra o evento de lançamento do projeto Deslocamento Criativo, apoiado pelo ProAC, que visa revelar produções de refugiados nas áreas de Moda, Gastronomia, Música, Artesanato, Curso de Língua e Cultura digital, na cidade de SP.

“O último romântico: YSL, a criação, a melancolia e o amor”, analisa as criações e a vida do costureiro franco-argelino Yves Saint Laurent, apoiando-se na História da Moda, nos contextos sócio-políticos e culturais, como o Maio de 68 e os movimentos de contracultura dos anos 70. Partindo da Filosofia, a atividade elabora o conceito filosófico de exílio, para evocar a importância da condição de estrangeiro, e em como o distanciamento emocional e geográfico possui a potência da “melancolia criativa”.

No dia, além da palestra “O último romântico: YSL, a criação, a melancolia e o amor”, a iniciativa promove diversas atividades até às 21h, como apresentação do projeto com roda de conversa com convidados, sarau cultural de música, dança, poesia, e uma feira com a recente produção dos refugiados em SP, em Moda, Gastronomia, Música, Artesanato, Curso de Língua e Cultura Digital.

Destaque para a roda de conversa, às 16h30, com Nour Alshekh Koeder e Hayam Abo Kasim, imigrantes sírios, que falarão sobre a moda árabe-síria, a criação de um ateliê em São Paulo, e as dificuldades e desafios de empreender em situação de refúgio.

Para mais infos, só entrar no site do Casa das Rosas, aqui.

Com Brunno Almeida Maia: Pesquisador em Filosofia pela UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), pesquisador residente do NECMIS (Núcleo de Estudos Contemporâneos do MIS – Museu da Imagem e Som), docente da cadeira “Expressões Artísticas Contemporâneas”, no Técnico de Produção de Moda do SENAC Lapa, professor convidado do Departamento de Pós-Graduação, Extensão e Cursos Livres da FAAP (Fundação Armando Alvares Penteado) e do Centro Universitário Belas Artes. Já ministrou aulas sobre a relação entre a literatura e a moda em espaços como Oficinas Culturais Oswald de Andrade, Oficina Cultural Casa Mário de Andrade, Sesc Consolação, Sesc Pompéia, Sesc Ipiranga, CPF – Centro de Pesquisa e Formação do Sesc, Sesc Jundiaí, Casa da Palavra Mário Quintana, em Santo André (SP), Oficina Cultural Hilda Hilst, em Campinas (SP), Galera AMDO, em Belo Horizonte (MG), Biblioteca Mário de Andrade, Fábricas de Cultura, Biblioteca Pública Pedro Nava, Escola São Paulo. É autor do livro “O Teatro de Brunno Almeida Maia” (Editora Giostri, 2014). Também assina capítulo sobre a relação entre a literatura e a moda no romance Lucíola (1862) de José de Alencar no livro “Moda Vestimenta Corpo” (Editora Estação das Letras e Cores, 2015), e é um dos autores da antologia “São Paulo em Palavras” (Editora Aquarela Brasileira, 2017). Foi facilitador pedagógico do módulo I de formação em Cidadania e Direitos Humanos do Programa “Transcidadania”, uma iniciativa da Prefeitura Municipal de São Paulo, com a CADS (Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual) e Centro de Cidadania LGBT SP.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest